Publicidade
Segunda-Feira, 15 de Outubro de 2018
Descrição do tempo
  • 23º C
  • 16º C

Em carta, Lula comemora pesquisa e diz que quer sua liberdade; veja na íntegra

Ex-presidente afirmou que 2018 é muito importante para o partido, para a esquerda e para a democracia

Folha de São Paulo
São Paulo (SP)
23/04/2018 às 15H04

CATIA SEABRA

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A presidente do PT, Gleisi Hoffmann (PR), leu nesta segunda-feira (23) uma carta do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva endereçada aos membros do Diretório Nacional do partido, que está reunido em Curitiba.

Segundo ele, 2018 é muito importante para o partido, para a esquerda e para a democracia. "Para mim, quero minha liberdade".

Na carta, cuja leitura foi parcialmente reproduzida na página do ex-ministro Alexandre Padilha, Lula se diz feliz com o resultado de pesquisas de opinião que o mantêm na liderança da corrida presidencial.

"Tem insinuações de que se não for candidato, se não tiver holofote e de que se não falar contra a condenação, será mais fácil a votação a meu favor. A Suprema Corte não tem que me absolver porque sou candidato, porque vou ficar bonzinho. Tem que votar porque sou inocente".

Lula encerra a carta afirmando que "a luta continua".

Publicidade

1 Comentário

Publicidade
Publicidade